Butantan entrega nova remessa de CoronaVac ao Ministério da Saúde

Frascos de CoronaVac Willy Kurniawan/Reuters - 21.1.2021 O Instituto Butantan entrega nesta quarta-feira (21) uma nova remessa de CoronaVac, imunizante produzido em parceria com o laboratório chinês Sinovac, ao PNI (Plano Nacional de Imunização) do Ministério da Saúde. Leia também SP: creches municipais vão receber 60% dos alunos a partir de agosto No recesso, CPI cria 7 núcleos de investigação e ouvirá juristas União Química vai pedir registro da Sputnik V no país em 30 dias O vice-governador Rodrigo Garcia acompanha a entrega no lugar do governador João Doria, que cumpre quarentena em casa por ter sido infectado pelo novo coronavírus pela segunda vez.  Na segunda-feira (19) já havia sido entregue um lote de mais um milhão de doses do imunizante ao governo federal. Na ocasião, Garcia afirmou que o grande desafio do governo paulista é a entrega de 44 milhões de doses até 30 de agosto, antecipando a entrega da compra feita pelo PNI. "O Butantan tem trabalhado todos os dias e aos finais de semana para fazer a produção da CoronaVac e o mais rapidamente fazer a entrega ao Minsitério da Saúde", afirmou o vice-governador. Veja também Famosos e TV DJ Ivis tem os cabelos raspados ao chegar em presídio no Ceará Christina Lemos Nordeste reage a Queiroga prestes a receber 1 mi de doses da Sputnik Brasil Bolsonaro: 'Vou provar fraude na urna eletrônica semana que vem' Uma série de novas entregas começou no dia 14. A vacina é produzida a partir de um novo lote de 10 milhões de doses processados a partir dos 6 mil litros de IFA (Ingrediente Farmacêutico Ativo) recebidos no dia 26 de junho. No dia 14, foram liberadas 800 mil doses. No dia 15, 200 mil e no dia 16, mais 1 milhão.

Butantan entrega nova remessa de CoronaVac ao Ministério da Saúde
Frascos de CoronaVac Willy Kurniawan/Reuters - 21.1.2021 O Instituto Butantan entrega nesta quarta-feira (21) uma nova remessa de CoronaVac, imunizante produzido em parceria com o laboratório chinês Sinovac, ao PNI (Plano Nacional de Imunização) do Ministério da Saúde. Leia também SP: creches municipais vão receber 60% dos alunos a partir de agosto No recesso, CPI cria 7 núcleos de investigação e ouvirá juristas União Química vai pedir registro da Sputnik V no país em 30 dias O vice-governador Rodrigo Garcia acompanha a entrega no lugar do governador João Doria, que cumpre quarentena em casa por ter sido infectado pelo novo coronavírus pela segunda vez.  Na segunda-feira (19) já havia sido entregue um lote de mais um milhão de doses do imunizante ao governo federal. Na ocasião, Garcia afirmou que o grande desafio do governo paulista é a entrega de 44 milhões de doses até 30 de agosto, antecipando a entrega da compra feita pelo PNI. "O Butantan tem trabalhado todos os dias e aos finais de semana para fazer a produção da CoronaVac e o mais rapidamente fazer a entrega ao Minsitério da Saúde", afirmou o vice-governador. Veja também Famosos e TV DJ Ivis tem os cabelos raspados ao chegar em presídio no Ceará Christina Lemos Nordeste reage a Queiroga prestes a receber 1 mi de doses da Sputnik Brasil Bolsonaro: 'Vou provar fraude na urna eletrônica semana que vem' Uma série de novas entregas começou no dia 14. A vacina é produzida a partir de um novo lote de 10 milhões de doses processados a partir dos 6 mil litros de IFA (Ingrediente Farmacêutico Ativo) recebidos no dia 26 de junho. No dia 14, foram liberadas 800 mil doses. No dia 15, 200 mil e no dia 16, mais 1 milhão.