Nível do rio Carangola começa a baixar em Porciúncula e Natividade, no RJ

Cota de transbordo do rio na cidade é de 5,20 m. No domingo (21), nível estava em 8,40 m. Nesta segunda-feira (22), o nível está em 4,21 m. Estrada que liga Natividade e Porciúncula está em meia pista por causa de lama na pista. Marca de lama no muro mostra altura que a água chegou após cheia do rio Carangola, em Porciúncula, no RJ Divulgação/Prefeitura de Porciúncula O nível do rio Carangola começou a baixar em Porciúncula e Natividade, cidades do Noroeste Fluminense mais atingidas após um fim de semana de ruas inundadas. A cota de transbordo do rio em Porciúncula é de 5,20 m. Na noite deste domingo (21), o nível chegou a 8,40 m. Na manhã desta segunda-feira (22), o nível do rio está em 4,21 m. Só o bairro Operário, em Porciúncula, ainda está debaixo d’água. A Prefeitura começou a fazer a limpeza de ruas na manhã desta segunda. Fotos tiradas pela equipe da Prefeitura mostram a marca de lama no muro onde a água chegou. Marcas de lama na parede mostram altura que a água chegou em Porciúncula, no RJ Divulgação/Prefeitura de Porciúncula Milhares de pessoas foram afetadas pela enchente causada após uma forte chuva que atingiu a cabeceira do rio, no estado de Minas Gerais. De acordo com a Defesa Civil da cidade, 3.235 pessoas precisaram deixar suas casas. Entre os desalojados, 146 não tinham para onde ir e foram encaminhados para abrigos. Outras 8.600 pessoas foram afetadas de alguma forma pelas inundações. Também teve transtorno na cidade de Natividade, mas a água já baixou no município deixando um rastro de lama pelas ruas. Marcas nas paredes mostram a altura que a água chegou. Água baixou e deixou rastros de lama nas ruas de Natividade, no RJ João Vitor Brum/Inter TV Não há informações sobre pessoas desalojadas em Itaperuna e em Natividade. Por volta das 10h30 desta segunda, o trânsito está em meia pista, com sistema de pare e siga, na RJ-220, estrada que faz limite entre Natividade e Porciúncula, por causa da lama na pista. A Prefeitura está removendo a lama. Trânsito está em pare e siga na estrada que liga Natividade a Porciúncula por causa de lama na pista João Vitor Brum/Inter TV

Nível do rio Carangola começa a baixar em Porciúncula e Natividade, no RJ

Cota de transbordo do rio na cidade é de 5,20 m. No domingo (21), nível estava em 8,40 m. Nesta segunda-feira (22), o nível está em 4,21 m. Estrada que liga Natividade e Porciúncula está em meia pista por causa de lama na pista. Marca de lama no muro mostra altura que a água chegou após cheia do rio Carangola, em Porciúncula, no RJ Divulgação/Prefeitura de Porciúncula O nível do rio Carangola começou a baixar em Porciúncula e Natividade, cidades do Noroeste Fluminense mais atingidas após um fim de semana de ruas inundadas. A cota de transbordo do rio em Porciúncula é de 5,20 m. Na noite deste domingo (21), o nível chegou a 8,40 m. Na manhã desta segunda-feira (22), o nível do rio está em 4,21 m. Só o bairro Operário, em Porciúncula, ainda está debaixo d’água. A Prefeitura começou a fazer a limpeza de ruas na manhã desta segunda. Fotos tiradas pela equipe da Prefeitura mostram a marca de lama no muro onde a água chegou. Marcas de lama na parede mostram altura que a água chegou em Porciúncula, no RJ Divulgação/Prefeitura de Porciúncula Milhares de pessoas foram afetadas pela enchente causada após uma forte chuva que atingiu a cabeceira do rio, no estado de Minas Gerais. De acordo com a Defesa Civil da cidade, 3.235 pessoas precisaram deixar suas casas. Entre os desalojados, 146 não tinham para onde ir e foram encaminhados para abrigos. Outras 8.600 pessoas foram afetadas de alguma forma pelas inundações. Também teve transtorno na cidade de Natividade, mas a água já baixou no município deixando um rastro de lama pelas ruas. Marcas nas paredes mostram a altura que a água chegou. Água baixou e deixou rastros de lama nas ruas de Natividade, no RJ João Vitor Brum/Inter TV Não há informações sobre pessoas desalojadas em Itaperuna e em Natividade. Por volta das 10h30 desta segunda, o trânsito está em meia pista, com sistema de pare e siga, na RJ-220, estrada que faz limite entre Natividade e Porciúncula, por causa da lama na pista. A Prefeitura está removendo a lama. Trânsito está em pare e siga na estrada que liga Natividade a Porciúncula por causa de lama na pista João Vitor Brum/Inter TV